financas-casa-novalocador-entregando-chave-locatario-100317

Limite Para Financiamento Imobiliário Aumenta Para R$1,5 milhão

Em 16 fevereiro, o Conselho Monetário Nacional aprovou um novo aumento do limite para financiamento de imóveis que podem ser comprados no âmbito do Sistema Financeiro da Habitação. O aumento é válido para imóveis em todo território nacional.

Aumento do Limite para Financiamento Imobiliário

O novo limite de R$1,5 milhão vale somente para imóveis prontos e tem caráter temporário. Só será válido nas operações de financiamento para a aquisição de imóveis residenciais entre 20 de fevereiro de 2017 e 31 de dezembro de 2017.

Após 3 anos congelado, em novembro do ano passado o teto havia sido aumentado para R$950 mil para o Distrito Federal, Minas Gerais, Rio de janeiro e São Paulo e R$ 800 mil para os outros estados brasileiros.

Mais Acesso ao Sistema Financeiro de Habitação

Com essa mudança no limite, mais pessoas terão acesso e poderão usufruir dos benefícios do Sistema Financeiro de Habitação.

Esses benefícios incluem taxas de juros menores nos contratos de financiamento e principalmente permitem o uso do FGTS para pagamento do imóvel.

O FGTS pode ser usado para compra, amortização e pagamento de parte do valor das prestações.

Mesmo utilizado na compra, a cada 2 anos o FGTS pode ser usado novamente para amortização ou abatimento das prestações. Leia mais a respeito no artigo FGTS na Compra de Imóveis.

Em novembro passado a Caixa Econômica Federal anunciou uma redução da taxa de juros para crédito imobiliário. Junto com o aumento no limite para financiamento, esta é um excelente momento para quem quer comprar um imóvel novo.

Em entrevista à Globo News, o Ministro da Fazenda Henrique Meirelles explicou que a medida tem como objetivo beneficiar a classe média. O preço dos imóveis residenciais subiu nos últimos anos enquanto o valor limite dos financiamentos não acompanhou esta subida. Então o aumento também visa acompanhar essa evolução dos preços no mercado imobiliário.’

Fontes:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *