quinta-feira, maio 13

Saiba como se planejar para vender um imóvel para comprar outro

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Você planeja se mudar ou diversificar os investimentos, mas não tem o capital necessário? Saiba que existem alternativas para realizar o seu sonho, como financiamentos ou mesmo a possibilidade de vender um imóvel para comprar outro. Nesse caso, no entanto, é preciso ter alguns cuidados para evitar riscos

O ideal é dar o seu imóvel antigo como parte do pagamento do novo. Se isso não for viável, será preciso ter muita sincronia (para vender, entregar a casa e já ter um novo lugar para morar), além de sorte para conseguir fechar os dois negócios praticamente ao mesmo tempo. 

Quer saber como fazer isso com segurança? Acompanhe as nossas dicas!

Por que vender um imóvel para comprar outro?

Você vai se casar, sua família cresceu, gostaria de morar em um bairro mais tranquilo ou precisa de mais espaço para seu home office? Existem inúmeras razões para justificar a compra de um imóvel maior ou, talvez, melhor localizado. Imagine as vantagens de morar perto de seu trabalho e poder se deslocar até o escritório caminhando, sem precisar enfrentar horas no trânsito? Ou, se você gosta de esportes ao ar livre, ter um apartamento localizado perto de um parque ou área verde da cidade? 

O objetivo de quem busca um novo imóvel sempre é maior qualidade de vida e conforto. No entanto, nem sempre o nosso orçamento é compatível com o que desejamos ou precisamos, não é mesmo? Uma alternativa para viabilizar a compra de um imóvel novo é vender o antigo ou usá-lo como parte do pagamento. 

Claro que existem opções, como recorrer a um financiamento. Entretanto, a vantagem de usar o imóvel antigo é a redução do endividamento. Afinal, quanto maior a entrada que for oferecida na transação, mais rapidamente (e com menos juros) você termina de pagar. Outro detalhe primordial é que quem vende um imóvel tem seis meses para comprar outro, sem precisar pagar imposto de renda pelo ganho de capital.

Além disso, quando você vende sua casa ou apartamento e recebe o pagamento, passa a ter maior poder de barganha na hora de negociar, pois tem o dinheiro disponível e consegue maior desconto. Caso opte por recorrer ao financiamento mesmo assim, é possível usar os recursos em alguma aplicação com rentabilidade superior às prestações. 

Como melhorar o valor de mercado de meu imóvel?

Se você optou pela venda do seu imóvel antigo para viabilizar a compra do novo, uma boa ideia é investir em estratégias que aumentem o seu valor de mercado. Um dos meios de fazer isso é melhorar a aparência do local. Limpeza, boa iluminação e conservação do ambiente fazem muita diferença aos olhos do potencial comprador.

Assim, pinte as paredes, arrume janelas e portas, não deixe móveis antigos ou caixas empilhadas fora de lugar. Quanto menos desordem, maior a chance de o comprador se interessar. Da mesma forma, aposte em cores neutras — afinal, uma imagem mais clean pode ser mais atrativa, especialmente para quem tem preferências de decoração diferentes das suas.

Caso pretenda anunciar o seu bem em sites, invista em boas fotos. Nem sempre é preciso buscar um fotógrafo profissional, mas atente-se para os melhores ângulos e evite mostrar situações do cotidiano, ou seja, roupas no varal, louças fora do armário, revistas espalhadas ou qualquer outro tipo de imagem que passe a impressão de desorganização.

Ao marcar uma visita no local, a presença de um corretor especializado faz diferença. Esse profissional saberá identificar e apresentar os pontos altos do imóvel, como boa localização, segurança, área de lazer, móveis planejados, sacada envidraçada, entre outros detalhes. Há até aqueles que investem em perfumes específicos que despertam a memória afetiva dos visitantes.

Venda bem, com preço justo

Em relação ao preço, verifique quanto custa o metro quadrado em sua região. Anunciar um valor muito superior ao de mercado pode fazer com que imóveis semelhantes ao seu, com propostas dentro da avaliação da região, se sobressaiam. Da mesma forma, valores abaixo da média despertam suspeitas nos possíveis interessados.

Falando em suspeitas, lembre-se de que toda a documentação do imóvel e de seu proprietário precisa estar em ordem. Afinal, se houver pendências em taxas (como IPTU), parcelamento, condomínio ou mesmo se o bem foi usado como garantia para outras dívidas, a venda será mais difícil.

Quais as dicas para vender um imóvel e comprar outro sem dificuldades?

Além das sugestões para valorizar o imóvel à venda, é importante ter atenção ao sincronismo dos dois negócios. Como mencionamos, depois da venda, o proprietário tem seis meses para comprar outro imóvel sem que seja tributado pelo ganho de capital. Isso, no fim das contas, faz muita diferença, pois representa nada menos que 15% do valor do bem.

Assim, vale a pena investir em planejamento, contando com a ajuda de um profissional especializado. Na hora de formalizar a venda, negocie com o comprador o prazo para desocupar o imóvel (normalmente entre 30 e 60 dias). O ideal é que seja o suficiente para que a compra da nova casa possa ser formalizada e que ela esteja disponível.

Como alternativa, é possível entregar o imóvel e alugar outro provisoriamente, enquanto aguarda a desocupação e entrega do novo. Contudo, esse custo precisa ser previsto em seu orçamento, para evitar contratempos e maiores despesas. 

Não se esqueça de analisar o perfil do comprador

Um cuidado primordial é saber escolher o comprador. Isso pode parecer estranho, mas é fundamental ter cautela e averiguar também o histórico financeiro do interessado. Vale destacar que, se o imóvel for financiado, os riscos são menores, uma vez que a instituição financeira que concede o crédito se encarrega de checar toda a documentação, das duas partes.

Qual a importância de buscar ajuda especializada para fazer esse negócio?

Ao vender seu imóvel e comprar outro, será necessário conferir a documentação de ambos, negociar preços, definir quais as melhores plataformas para anunciar e atender aos interessados. Tudo isso deve ser feito dentro do prazo recomendado para viabilizar a nova compra.

Por essa razão, é importante contar com auxílio especializado, como assessoria jurídica que possa avaliar toda a documentação do imóvel (registro, matrícula, escritura e quitação de débitos), além de corretores que saibam identificar oportunidades e acompanhem toda a transação. 

Se você quer vender um imóvel para comprar outro, conte com a experiência da Trisul, que poderá auxiliar na negociação e indicar as melhores oportunidades para rentabilizar o seu capital, além de prestar toda a assessoria jurídica necessária para a sua segurança. 

Quer saber mais sobre a Trisul e as oportunidades de bons negócios? Entre em contato conosco agora mesmo!

Compartilhar.

Confira agora
os nossos imóveis

Apartamentos exclusivos com ótimos preços e condições.

Ver empreendimentos

Comentários estão fechados.